O que você sabe sobre capital de giro?

Vários pontos precisam ser analisados no momento em que você decide abrir sua própria empresa. Dentro do planejamento financeiro e do plano de negócio, dois itens que já falamos bastante aqui no Blog Makrosystem, há sempre o tópico de Capital de Giro. Por isso, resolvemos dissecar esse assunto no artigo de hoje.

Recentemente, o SEBRAE fez uma pesquisa onde levantou dados sobre a causa mortis das empresas em todo o Brasil. Nela, foi apontado que a maioria dos negócios abertos no país declaram falência antes mesmo de completarem um ano de atividade.

Nesse índice de empresas fechadas, quase 40% sequer sabiam qual era o capital de giro necessário para abrir e manter sua empresa aberta a curto/médio prazo. Essa é a principal razão pela qual o entendimento da dinâmica do Capital de Giro é tão fundamental para que você consiga transformar sua empresa em referência.

Vamos lá?

O QUE É?

O Capital de Giro, bem resumido, é o recurso que garante a manutenção do estoque da sua empresa, permitindo que você faça vendas a prazo, por exemplo. É o valor que vai fazer a sua empresa respirar financeiramente e se manter viva. É ter dinheiro em caixa.

QUAL A IMPORTÂNCIA?

Para que você tenha tranquilidade para manter a sua empresa e fazer investimentos pontuais em determinado tempo, ter o conhecimento sobre o que rege o seu Capital de Giro é essencial. É ele quem mede a liquidez do seu caixa e sua capacidade de transformar seus próprios recursos em capital no caixa.

É um dos itens mais importantes no planejamento financeiro de uma organização.

COMO CALCULAR?

O cálculo do Capital de Giro deve ser feito com minuciosidade dos detalhes. Isso para que o empreendedor não seja pego de surpresa poucos meses após a abertura da sua empresa, sendo obrigado a arcar com custos que não esperava e, consequentemente, inviabilizando o funcionamento da empresa dali para frente.

O cálculo, basicamente, é a diferença entre o ativo circulante (como o caixa, contas a receber, estoque) e o passivo circulante (despesas a pagar, como contas, impostos, salários).

Como o próprio nome diz, o Capital de Giro é responsável por manter as funções e o dinheiro “girando”, criando movimentações no mercado. Por isso, é essencial estar sempre com a saúde financeira em dia na empresa, tendo reservada a quantia necessária para suprir todas as necessidades de sua corporação.

“Ah, mas sempre vão aparecer problemas que vão me custar um investimento que eu não esperava”.

Normal, comum. Por isso, quando falamos em quantia necessária, não é aquela 100% exata. Tenha sempre um aditivo, como se fosse a sua poupança pessoal, que você tem um dinheirinho guardado para determinadas emergências.

AJUDA COM A SUA EMPRESA?

A Makrosystem possui uma equipe de especialistas nos departamentos contábil, fiscal e pessoal. Estamos preparados para ajudar você e sua empresa a crescerem de forma responsável. Além disso, você conta com um pacote de soluções para organizar sua contabilidade. Clique aqui e conheça nossa empresa!